Imagens chocantes mostram impacto devastador da poluição marítima após morte de tartarugas pela ingestão de lixo

Estas imagens chocantes destacam o impacto devastador da poluição do mar depois de uma tartaruga morrer pela ingestão de muito plástico.


A socorrista marinha, Chloe Garland, de 30 anos, postou no Facebook a situação de uma tartaruga fêmea jovem, que foi "literalmente entupida até a garganta com comida e lixo".

Chloe, que trabalha como voluntária em um centro de salvamento marítimo no Brasil, onde a tartaruga foi trazida, disse que o animal era incapaz de comer e havia se tornado tão desnutrido que seu osso do peito ficou saliente através da pele.



Uma autópsia mostrou que seu sistema digestivo estava cheio de lixo, incluindo plástico e fios de pesca, presentes desde seu esôfago até seus intestinos.

Apesar dos melhores esforços dos funcionários e voluntários no centro, eles foram incapazes de ajudar a tartaruga e tiveram de assistir sua morte lenta e dolorosa.

Determinada a aumentar a conscientização sobre os perigos da poluição do mar, Chloe, de Kingsbridge, na Inglaterra, compartilhou a imagem no Facebook, que se tornou viral.

A postagem no Facebook de Chloe, descrevia que: "Ela estava literalmente cheia até a garganta com comida e lixo - não podia se mover. Ela estava tão bloqueada a partir do lixo em seu sistema, que ela não podia comer. Ela morreu de fome por causa disso. Este é outro exemplo, um dos muitos, da realidade trágica de nosso mundo natural, causada pelos seres humanos".

A publicação teve mais de 7.000 compartilhamentos e Chloe escreveu, posteriormente, que "a pequena tartaruga do mar não morreu em vão".

Ela finalizou com: "Os plásticos são o flagelo dos oceanos. Odeio ver que ele continua exterminando a nossa vida marinha. Coitados, uma maneira horrível de morrer...".

A foto abaixo mostra inúmeros recipientes com conteúdos de lixo retirados de outras tartarugas também mortas após a ingestão de lixo no mar.






Fonte: J. Ciência


Atualizações

Traduzir