Comissão Europeia aconselha cidadãos a deixarem o Facebook

Com Era Digital, muitas pessoas estão preocupadas com a privacidade e com a segurança dos dados que são compartilhados na internet. A orientação da Comissão Europeia para esses casos é bem simples: saia do Facebook.

De acordo com informações do jornal The Guardian, a legislação local não tem como garantir a proteção dos dados de quem está vinculado a um serviço norte-americano. Por lei, empresas que operam dentro da União Europeia são proibidas de informar dados dos usuários para os Estados Unidos.

Os comentários foram feitos pelo advogado do bloco Bernhard Schima, em resposta a questionamentos levantados pelo ativista Maximilian Schrems, que queria saber se é seguro transferir informações aos Estados Unidos após a revelação feita por Edward Snowden de que o país usa suas empresas de tecnologia para espionar as comunicações de pessoas no mundo todo.

"Você talvez devesse considerar encerrar sua conta no Facebook, se tiver uma", foi a resposta do procurador-geral, Yves Bot, em uma audiência do caso sobre privacidade na rede social no Tribunal Europeu de Justiça, em Luxemburgo. O caso recolhe denúncias apresentadas contra a Apple, Facebook, Microsoft, Skype e Yahoo. O Facebook não se pronunciou sobre o assunto. 





Fonte e Foto: Bloomberg InfoMoney

Atualizações

Traduzir