Protesto contra a Copa toma avenidas no centro do Rio e acaba em confronto com a Polícia

Manifestantes denunciam gastos exorbitantes com o Mundial no País


PMs e um grupo de manifestantes que participou de protesto no centro do Rio contra a realização da Copa do Mundo no Brasil entraram em confronto no começo da tarde desta quinta-feira (12). Nas redes sociais, manifestantes relatam uso de bombas de gás e spray de pimenta.

Ao menos três pessoas foram detidas na região da Lapa.

Participaram da manifestação movimentos sociais e categorias de trabalhadores, como os professores das redes estadual e municipal de ensino, em greve há um mês por melhores condições de trabalho. 

A Polícia Militar acompanha o ato com os batalhões de Choque e de Grandes Eventos, que apoiam a unidade da área. 

O protesto teve início no fim da manhã desta quinta, na avenida Presidente Vargas, que foi interditada no sentido praça da Bandeira. Em seguida, os manifestantes seguiram em caminhada pela avenida Rio Branco, bloqueando totalmente a via.

Fonte: R7

Atualizações

Traduzir