Governo anuncia redução em R$ 0,10 nas tarifas de ônibus do Grande Recife

Diante da chegada de protestos também no Recife, o governador Eduardo Campos e o prefeito Geraldo Julio anunciaram uma redução de R$ 0,10 nas tarifas de ônibus no Grande Recife, segundo o secretário de imprensa do Recife, Carlos Percol. O anúncio foi feito por meio do seu perfil no Twitter, na manhã desta terça-feira (18), durante entrevista coletiva concedida no Centro de Convenções, em Olinda. "Redução nas tarifas vale a partir da quinta-feira (20). Em breve, Governo e Prefeituras também vão apresentar medidas como corredores exclusivos", frisou no microblog. 

A decisão do Governo se deu diante da isenção de Pis/Cofins dada pelo Governo Federal. Com isso, Região Metropolitana do Recife terá a quarta tarifa mais barata do País. Atualmente, a tarifa de ônibus válida de segunda a sábado é de R$ 2,25 para o anel A; R$ 3,45 para o B; R$ 2,75 e R$ 1,50 para os anéis D e G, respectivamente. Durante os domingos, as tarifas sofrem uma redução. Passando para R$ 1,15 os anéis A, D e G, e o anel B, para 1,75. 

Durante o comunicado, o Governador informou a decisão não tem ligação direta com os protestos que vem acontecendo pelo País e que tem seu primeiro dia no Recife marcado para esta quinta. Segundo Eduardo, essa era uma questão que já vinha sendo discutida desde maio e que tomou forma agora, contanto com o apoio dos prefeitos de Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Recife, presentes nesse encontro. Além disso, uma reunião com os órgãos de segurança acontece nesta terça, com o objetivo de delinear como será o acompanhamento feito aos manifestantes nesta quinta. O governador frisou que a ordem é garantir a segurança tanto dos manifestantes quanto dos transeuntes. 

O governador também anunciou o reforço no transporte público para jogo desta quarta-feira (19), na Arena Pernambuco, entre Itália e Japão. Uma reunião entre representantes da Secretaria das Cidades e Secretaria Extraordinária da Copa tem uma reunião marcada para a tarde desta terça onde serão revistos o plano de ação. Entre as melhorias estratégicas está uma nova área de estacionamento e o incremento na frota de ônibus.

Também anunciou para a sexta-feira (21) o lançamento de mais um edital de licitação para a concessão de novas linhas de transporte público da Região metropolitana do Recife (RMR). Segundo Eduardo, as empresas boicotaram a primeira e se isso acontecer novamente, o Grande Recife Consórcio de Transporte terá autonomia para contratação direta das empresas. Será lançado ainda no próximo dia 5 o calendário para a implantação de novos corredores exclusivos de ônibus para a RMR, que irá atingir de 50 a 70 quilômetros. O conjunto de obras está avaliado em R$ 2 milhões. 

No Recife, o primeiro ato aconteceu na noite da última segunda-feira (17), quando aproximadamente 500 estudantes e trabalhadores realizaram uma passeata pelo centro do Recife, divulgando a população o ato intitulado “À Luta Recife: pelo transporte público de qualidade”, marcado para acontecer nesta quinta, na Praça do Derby, com concentração às 16h. O mote do protesto será pela diminuição da passagem de ônibus, além do passe livre para pessoas desempregadas e para estudantes.

Fonte: Folha-Pe.
 

Atualizações

Traduzir