Breaking News

Armazém de Artes e Negócios movimenta o FIG 2019 com produção local e variada

julho 20, 2019

Armazém de Artes e Negócios movimenta o FIG 2019 com produção local e variada

julho 20, 2019
Espaço contará com 75 stands ocupados por artesãos de Pernambuco selecionados através de convocatória pública, com produtores individuais e associações de profissionais

Elimar Caranguejo/Secult-PE/Fundarpe


A abertura do espaço será neste sábado (20), a partir das 16h

O Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) é sinônimo de cultura da melhor qualidade, mas também é tempo e lugar para oportunidades para os artesãos pernambucanos. Como acontece há mais de dez anos, mais uma vez, será montado o Armazém de Artes e Negócios do FIG, um espaço com 75 stands que serão ocupados por nomes selecionados através de convocatória pública. São produtores locais individuais e associações, além de Pontos de Cultura. Barro, madeira, tecido, papel, metais: os visitantes podem esperar muita variedade no armazém, que começa a funcionar neste sábado (20), a partir das 16h.

Um dos nomes mais celebrados será o Patrimônio Vivo e mamulengueiro Mestre Zé Lopez, que estará pela primeira vez no FIG. “Vou levar muita coisa porque já tinha feito uma boa quantidade pra vender durante a Fenearte e fiz também algumas coisas especificamente para o Festival, como o boneco Simão”, conta o artista, citando um dos seus bonecos mais conhecidos.

A preparação para o FIG começou em abril, quando os artesãos receberam capacitação para que pudessem extrair o máximo de resultados durante o festival. Os produtores trabalham ou moram na região do Agreste meridional, onde está localizada a cidade de Garanhuns.

O Armazém é resultado de convênio com Sebrae e Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper). Funcionará em uma área de aproximadamente mil metros quadrados no Parque Euclides Dourado e contou com investimentos de R$ 192 mil, com expectativa de movimentação 15% superior ao de 2018, quando houve registro de cerca de R$ 350 mil em negócios. A média de visitação no ano passado foi de 1500 pessoas por dia. Quem passar pelo Parque Euclides Dourado, não pode deixar de conferir a produção dos artesãos.

Serviço
Armazém das Artes e Negócios do Festival de Inverno de Garanhuns
Parque Euclides Dourado, Heliópolis
Abertura: sábado, 20 de julho, 16h


ASCOM
Espaço contará com 75 stands ocupados por artesãos de Pernambuco selecionados através de convocatória pública, com produtores individuais e...

Atualizações

Traduzir