Paulo ampliará ações de apoio aos dependentes de drogas


As ações para reintegração de dependentes químicos à sociedade ganharam força nos dois mandatos do ex-governador Eduardo Campos. Esse trabalho será ampliado por Paulo Câmara (PSB), candidato da Frente Popular ao Governo do Estado. Em visita, nesta sexta-feira (22), ao Centro de Acolhimento Intensivo, do Programa Atenção Integral no Tratamento dos Usuários de Drogas e seus Familiares (Atitude), no Cabo de Santo Agostinho, o socialista afirmou que, em sua gestão, cada uma das 12 microrregiões do Estado terá uma unidade daquele tipo. "O Atitude é um projeto que dá certo e tem ajudado muita gente. O problema das drogas precisa ser enfrentado com decisão. Vamos ampliar o número de equipes de apoio e aumentar o número de vagas oferecidas pelo programa", informou.

Paulo ouviu dos usuários acolhidos pelo núcleo suas experiências com o consumo de drogas e como o Atitude tem ajudado na reintegração à família e à sociedade. "Nosso sonho é que, no futuro, estruturas como esta sejam cada vez menos necessárias. Para isso, continuaremos investindo cada vez mais em políticas de prevenção. Principalmente na Educação. As escolas de tempo integral, por exemplo, às quais terão acesso todos os alunos interessados em se matricular, serão uma arma essencial nesse combate, oferecendo conhecimento, integração, qualificação e mantendo os jovens afastados do mundo das drogas", explicou o candidato.

O núcleo do Atitude no Cabo acolhe 33 usuários em recuperação, todos eles dependentes do crack. Lá, eles recebem atenção 24 horas por dia, por períodos de até seis meses. "É importante continuarmos avançando, ampliando o alcance e o número de pessoas atendidas pelo programa. Paulo se mostrou comprometido com isso, hoje", avaliou o coordenador do núcleo, João Marcelo.



Assessoria de Imprensa do PSB
Crédito: Aluísio Moreira.

Atualizações

Traduzir